Como sobrevivem as plantas e árvores sem folhas?



Todos nós sabemos que muitas árvores perdem as suas folhas no inverno... mas qual será mesmo o processo? E as plantas, podem viver sem folhas?

Algumas plantas vivem mesmo sem folhas, como por exemplo, os musgos e as plantas hepáticas (divisão briófita*). Estas caracterizam-se pela ausência de vasos condutores de nutrientes. É um processo simples e mais lento em comparação com a maioria das plantas.

Outro exemplo de planta que vive sem folhas, é a nossa Gilbardeira, planta protegida e incluída na lista de espécies com interesse comunitário da Europa, segundo a Diretiva 92/43/CEE do Conselho de 21 de maio de 1992.


Ruscus aculeatus (Gilbardeira)
  - A Gilbardeira ou erva-dos-vasculhos é dos exemplos que mais me fascinam. Aquelas pequenas folhas onde se inserem os frutos e as flores, não são na verdade folhas, mas sim partes do caule dispostas e formadas numa forma especial. 

Como é que a Gilbardeira consegue fazer a fotossíntese sem folhas?

A maioria das plantas faz a fotossíntese unicamente através das folhas, ao contrário destas, a gilbardeira fá-lo através de toda a sua superfície. Todas as partes da planta realizam a fotossíntese, permitindo-lhe assim, de abdicar das suas folhas.

Mas então e as árvores que perdem as folhas?
 

Como sabemos, algumas árvores começam a perder as suas folhas no Outono, mas porque o fazem? Pode uma árvore viver sem folhas?


As árvores têm uma estrutura mais complexa do que a maioria das plantas e portanto precisam de outras estratégias que lhes permitam sobreviver às estações desfavoráveis (geralmente os meses mais frios).

Uma dessas estratégias é a capacidade de entrar em estado dormência. À primeira vista parece simples, mas quando chega a estação desfavorável, as árvores perdem as folhas para economizar energia, ficando assim em estado de dormência, semelhante à hibernação nos animais.

A perda das folhas é efetivamente a primeira fase, que acontece quando a árvore deixa de produzir clorofila e passa a produzir um ácido chamado de abscísico, responsável por fazer a folha cair.

E durante este período, as árvores crescem?


Seria possível, mas a grande maioria não o faz. Para crescerem saudáveis, as árvores necessitam de folhas, pois é através destas que recebem um dos principais alimentos, produzidos pela clorofila através do ar, da luz e da humidade.


No entanto, existem exceções...

Uma dessas exceções é o Pinheiro Australiano ou a Casuarina (Casuarina equisetifolia
Casuarina (C. equisetifolia)

Apesar de ser parecida com um pinheiro, é um erro pensar que o é. Ao contrário dos pinheiros e outras pináceas, a casuarina é uma angioesperma, isto é, contem uma semente dentro de um fruto.


Esta árvore, teoricamente não precisa de folhas para fazer a fotossíntese, pois tem a incrível capacidade de fazer a fotossíntese através dos seus ramos


**

E porque é que algumas árvores perdem folhas e outras não? Existem mais exceções de árvores sem folhas? A natureza está cheia de exemplos e exceções. Falarei mais sobre isso nos próximo artigos. Fiquem atentos!  

0 comentários:

Publicar um comentário

My Instagram