Onde fica o sitio do pica-pau?

Já todos ouvimos falar do sítio do pica-pau amarelo, a mítica série de fantasia, escrita pelo autor brasileiro Monteiro Lobato. Acredito que nem todos tenhamos ouvido falar do sitio do pica-pau-malhado-grande, ou será que já? 

O sítio do pica-pau-malhado(Dendrocopos major) é em quase todos os tipos de bosques ou florestas europeias, asiáticas (China e Japão) ou do médio oriente (Turquia e Irão). Como podem ver, em termos territoriais é uma ave bastante dispersa e por isso apresenta um estatuto de conservação na lista da IUCN de ‘LC — Pouco Preocupante’.

Pica-Pau-Malhado-Grande (Dendrocopos major)

Este exemplar foi fotografado no mês de Fevereiro em Utrecht,na Holanda, dentro do parque de landgoed Oostbroek

Curiosidade: “De tirar o pica-pau do oco” é uma expressão que manifesta exagero ou excesso. Por exemplo: “Hoje está um frio de tirar o pica-pau do oco”. Ou seja, está tanto frio que o pobre coitado nem se aguenta dentro da toca.

Já estava a pensar voltar para trás quando escutei um tamborilar na madeira  — só podia ser um pica-pau! Foi das primeiras aves que fotografei, mas tinha sido de muito longe, precisava de algo melhor. Desta vez tive sorte, até direito a filmagem tive. 


É uma ave fácil de encontrar, primeiro temos de estar atentos às árvores e procurar pelos buracos das tocas, desta forma sabemos de existem pica-paus por perto. Depois estar atento ao som do tamborilar. Se nunca ouviram, através do vídeo podem ter uma maior noção do que estou a falar.


Sabes quantas espécies de pica-pau existem no mundo?

No mundo contam-se 240 espécies de pica-pau separadas por 35 géneros. Em Portugal existam 7 espécies separadas por 5 géneros, já no Brasil encontram-se 59 diferentes. Destas 240 espécies, 20 delas estão ameaçadas de extinção devido à falta ou fragmentação do habitat.

E tu? Alguma vez viste algum destes? Sabes alguma curiosidade sobre o pica-pau? Se sim, conta-nos tudo! Escreve nos comentários ou envia-me uma mensagem privada!



1 comentários

My Instagram